segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Poemas oferecidos pelos Amigos no Natal


Neste Natal alguns amigos deixaram aqui no meu cantinho um presente muito especial, um pouco de si através da sua poesia.
Hoje deixo aqui os miminhos recebidos.





...Sempre haverá NATAL...


...Enquanto a infância acreditar em magia...
Enquanto existir o clarão das velas
E as canções forem cantadas com alegria
Enquanto o amor entrar pelas janelas!


...Sempre haverá NATAL...

Enquanto a fé habitar nossos corações
E as estrelas reluzirem como luz...
Enquanto caminharmos em busca de emoções
E o brilho do céu conduzir-nos
ao "Menino-Jesus".

Que neste Natal

nossos presentes sejam para a alma.
Que se multipliquem ao infinito os abraços,
os sorrisos, os perdões, os carinhos, os beijos,
enfim todos os gestos de boa vontade
e que estes abraços se tornem
a grande e verdadeira corrente do bem.

Feliz Natal!

Carinhosamente, ZININHA




Do amigo Profeta do Blog "Profeta"

Tão calmamente corre esta viagem
A terra anda devido ao amor
O que é isso de amar com amor?
O que é isso de o perder sem dor?

O que é isso de acreditar
Às vezes Deus carrega ao colo um justo
Às vezes uma reza acende o Sol a meio da noite
Às vezes duvido acreditando a custo

Abracei o mundo este natal
Lembrei passados desvanecidos
Senti aromas que pensei perdidos
Senti que a vida me infligiu mil castigos

Senti que a solidão era a porta para a razão
Que era uma criatura sem grande importância
Senti que ainda não tinha traçado todos os rumos
Que não há longe perto da distância

Profeta



Do amigo Antônio Lídio Gomes do blog “Vozes de Minha Alma

PRESENTES DE MARIA

Nas terras hostis, dos profetas e da Palestina
Depois de tanto tempo para as almas somente
Uma jovem bem aventurada, e ainda menina
Alma nobre, meiga, e em Deus sincera crente.

Mas para quem tem nesta vida compreendido
Quão grande é esta rosa de meiga sublimidade
Saberá que do nascimento de seu Filho ungido
A alma se alegra e o amor de Deus lhe invade.

O Cristo nasceu! E para este mundo nos trazia
As bem-aventuranças, com os hinos de alegria
Como os presentes, virtuosos dos seus braços

E, no entanto, será Ele neste mundo celebrado,
Mas como o exemplo de um rei desamparado
Que vence a morte, desde os primeiros passos

Antonio Lídio Gomes




Da Amiga Franciete Filipe do Blog “Lamentos de Alma"


Ó minha linda Maria
que vives na capital
desejo do coração
que tenhas um bom Natal

És amiga muito querida
que tenho no meu sentido
que te vejas abraçada
de todos que te são queridos

Franciete Filipe



Da Amiga Sandra Mitsue do Blog “Meu Cantinho no Japão

Não repare o volµme
Pois é peqµeηiηo
É µma peqµeηa caixa
Mµito boηita
Feita ηo ρeηsameηto ρela imagiηação
Foi graηdiosameηte decorada ρelo desejo
E embalada ρela gratidão
Nela coloqµei...
Aroma das flores
µm ρedaciηho do céµ
Sorriso de µma criaηça
µm ρµηhadiηho da brisa da maηhã
µma ρitadiηha de lµz
E µma liηda caηção.
Coµbe também µm abraço aρertado
E µm beijo roµbado do teµ coração.

Sandra Mitsue



Da Amiga Lili Laranjo Africa em Poesia

Neste natal
O meu beijo amigo e o desejo de Paz e saúde

Hoje...
Caminhei pela rua...

Vi luzes...
Vi fantasia...
Vi muitos embrulhos...

E pensei...

É Natal...

Segui e continuei...
A ver luzes...
A ver fantasia...
A ver presentes...

Mas...

Não vi Natal...
Não vi Jesus...
Não vi Maria...
Não vi José...

Não vi o principal...
Senti o esquecimento...

Da união...
Da família...
Do Amor...

E continuei a caminhar...

E vi bolos...
E vi iguarias...
E vi beleza...

E gostei de sentir...
O cherinho de Natal...

Mas...
Continuei a caminhar...
E a pensar...

Natal,
Será de todos?

E vi logo que não...
Milhares de crianças...
Milhares de homens...

Nesta vida...
Nunca saberão...

O que é ser Natal...

LILI LARANJO


Queridos amigos muito obrigado pelo vosso carinho e amizade.

Que a poesia reine sempre nos vossos corações para assim nos poderem agraciar com toda a sua beleza, magia e encanto.

Um grande beijinho e ...


bem apertadinho.

Sem comentários:

Enviar um comentário

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.